A Rural de Toinho da Bodega. Carros das ruas de Pombal década de 1970.

2 ago 2017

Toinho comprou a rural ao seu sogro Luiz Barbosa, em meados da década de 1970. Quem cruzava a Rua do Comércio em Pombal, inevitavelmente se deparava com a velha rural estacionada de fronte a sua não menos tradicional Bodega.

Sempre pronto a servir, Toinho com a Rural prestou assistência a quem o procurava, já que era um homem que não sabia dizer “não” ao povo da cidade.

Assim, a rural de Toinho serviu de transporte para os idosos quando solicitado, e até de ambulância aos doentes que batiam sua porta a qualquer hora do dia ou da noite, para serem conduzidos ao hospital, isso sem nunca cobrar pelo serviço.

Os clientes da bodega e moradores das imediações ao ouvir o ronco da Rural às 15 horas da tarde, sabiam que era chegado o pão quentinho que era servido com creme ou levado para ser consumido em casa.

A Rural de Toinho da Bodega contínua em posse da família, esperando uma oportunidade de continuar servindo a nova geração de pombalenses. O projeto da família é recuperar a rural e fazer dela uma biblioteca itinerante, para que a nova geração continue a usufruir desse patrimônio que, mesmo privado, tanto serviu ao nosso povo.

Jerdivan Nóbrega de Araújo

image

A famosa Rural de Toinho da Bodega

image (1)

Toinho da Bodega em seu estabelecimento comercial localizado na rua do comércio

image (2)

Cantor Chico César e Luizinho de Toinho da Bodega

Comentários