Artigos do professor José Romero Cardoso são reunidos em coletânea organizada por escritora da Paraíba

21 maio 2013

Professor da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Uern), José Romero Cardoso, autor de uma série de artigos cuja temática relaciona-se com o dia a dia daqueles que vivem na região Nordeste, acaba de lançar sua mais recente obra: “Textos Vivos e Reverenciados de um Imortal Nordestino”, organizado pela escritora Marinalva Freire da Silva, doutora em Filologia Românica pela Universidade Complutense de Madrid, Espanha, e membro da Academia de Letras e Artes do Nordeste (Alane), Núcleo da Paraíba.

“Conheci os trabalhos de Romero via internet, pois ele começou a me enviar, eu lia e gostava de seus escritos, fazia inclusive comentários. E ele foi enviando um a um, até que eu solicitei que me enviasse todos em um arquivo ou mesmo dispersos, que eu os reunia em um livro e o presenteava como o fiz, pois Romero é um pesquisador invejável, pessoa inquieta que não consegue se calar diante das injustiças, prejudicando-se, muitas vezes, por não saber a hora certa de dizer o que sente, mas assim é ele e deve ser respeitado”, destaca a organizadora da obra.

Marinalva Freire caracteriza o trabalho literário de José Romero Cardoso sério e autêntico. “Este é o segundo livro que organizo dele, sendo que o primeiro dei preferência para ser ele o único autor porque ele sentiu a necessidade de arrancar um grito que o sufocava. E ele gritou aos quatro cantos do mundo o horror que a droga causa nas pessoas usuárias. Seu livro diz respeito a uma fase difícil de sua vida quando, erradamente, foi buscar nas drogas a vida e se deu mal. Mas como nem tudo está perdido e ele reconheceu que estava na hora de dar um basta, embora sozinho não tivesse forças”, relata.

Os textos inseridos no livro começaram a ser escritos em 1994, quando o O Estado de S. Paulo publicou artigo de José Romero Cardoso intitulado ”Moreno e a Vingança Implacável de Lampião”. O último escrito que está na coletânea data deste ano.

Para o professor José Romero Cardoso, as pesquisas desenvolvidas pela escritora Marinalva Freire são de um importância inigualável. “Ela é uma grande defensora dos direitos das pessoas, uma mulher que vem se notabilizando pelo respeito aos seus semelhantes e pela fé inquebrantável na palavra de Deus”, diz.

Segundo José Romero, a coletânea tem o objetivo de democratizar os conhecimentos adquiridos por ele ao longo de sua vida. “Dessa forma está sendo cumprida boa parte dos objetivos que vêm permeando minha batalha cultural, a qual se define em prol da democratização de conhecimentos adquiridos, visando dividir com meus semelhantes o acúmulo de conhecimentos que venho conseguindo continuamente, constantemente e ininterruptamente através, principalmente, de leituras, mas também através da experiência”, relata.

O livro é divido em três partes, sendo a primeira referente à Globalização e Mundo Contemporâneo, onde podem ser encontrados cinco textos. A segunda parte da obra trata sobre a Literatura Nordestina e Cultura Popular, em que o leitor poderá conhecer um pouco mais a história do cangaceiro potiguar Jesuíno Brilhante, sobre a lenda que envolve o Poço Feio, ponto turístico localizado nas proximidades do município de Governador Dix-sept Rosado. Artigos a respeito de Luiz Gonzaga e Virgulino Ferreira, o “Lampião”, também foram inseridos na obra.

Na terceira e última parte da coletânea, estão reunidos artigos acerca do pensamento do autor de “Geografia da fome”, Josué de Castro, e o cenário do Nordeste brasileiro. “A repercussão está sendo muito boa. As pessoas que estão adquirindo a coletânea estão se mostrando muito sensíveis à ideia de reunir os meus artigos em livro digital”, conclui José Romero.

Comentários