Delação da JBS destrói votações importantes no Congresso

18 maio 2017

Após a delação do presidente da JBS acerca de escândalos envolvendo o presidente Michel Temer (PMDB) e o presidente do PSDB, Aécio Neves, está praticamente derrotada a luta no Congresso Nacional, para a votação da Reforma da Presidência, prorrogação de mandatos, proposta da lista fechada, voto distrital, dentre outras.

Com certeza, teremos eleições no próximo ano, isso se não houver eleições diretas ainda em 2017, para o cargo da presidência da República, já com o novo modelo do governo que substituirá Michel Temer, caso esse caia.

Da Redação

Comentários