Governador recebe diplomata de Israel e discute cooperação na área de tecnologia de água

14 jun 2013

Governador recebe diplomata de Israel e discute cooperação na área de tecnologia de água

O governador Ricardo Coutinho recebeu, na tarde desta última quinta-feira (13), no Palácio da Redenção, o 1º secretário da Embaixada de Israel no Brasil, Alon Lavi, que está na Paraíba desde o dia 11 de junho conhecendo experiências nas áreas de agricultura e recursos hídricos. Durante o encontro, eles discutiram parcerias nas áreas de pesquisa e novas tecnologias para convivência e desenvolvimento de projetos no semiárido.

O diplomata israelense entregou um convite, em nome do embaixador de Israel no Brasil, Rafael Eldad, para que o governador Ricardo Coutinho e o secretário de Recursos Hídricos, Meio Ambiente, Ciência e Tecnologia, João Azevedo, participem da conferência Watec-Israel 2013- “Tecnologia de Água e Controle Ambiental”, que será realizado nos dias 22 e 24 de outubro, em Tel Avív, Capital de Israel.

Ricardo agradeceu o convite e disse que seria uma honra conhecer as experiências bem sucedidas adotadas por Israel para desenvolver projetos de irrigação que contribuam para o desenvolvimento da agricultura em áreas áridas com baixos índices pluviométricos. Ele afirmou que os técnicos do Governo do Estado estarão abertos para a realização de intercâmbios para promoção da inovação e cooperações técnicas que contribuam para o desenvolvimento da agricultura dos dois Estados que sofrem com longos períodos de estiagem.

Alon Lavi disse que foi muito bem recebido na Paraíba, onde pode conhecer os projetos hídricos desenvolvidos no Estado e repassar a experiência de Israel na área de tecnologia de água. “Vivemos em uma região árida onde praticamente não chove com indices pluviométricos de apenas 200 mm por ano e desenvolvemos técnicas de convivência com essa realidade climática. Neste contexto, buscamos parcerias para desenvolver projetos conjuntos e dividir as experiências que tivemos no passado para enfrentar essa situação. Sabemos que a situação também é vivenciada no semiárido paraibano que tem necessidades no desenvolvimento de tecnologias de água”, afirmou.

O 1º secretário da Embaixada de Israel no Brasil viu semelhanças no nível das universidades da Paraíba com as de Israel com experiências interessantes para melhoria da oferta de água aplicada à agricultura. “Esse foi um contato importante para futuras parcerias que sejam positivas para a Paraíba e para o Estado de Israel”, avaliou.

Durante a sua visita à Paraíba, o diplomata conversou com técnicos da Embrapa e da UFCG e conheceu o São João de Campina Grande e o Salão do Artesanato. Nesta quinta-feira, Alon também esteve reunido com o secretário de Recursos Hídricos do Estado, João Azevedo, que explicou sobre os projetos hídricos desenvolvidos no Estado como os 735 km de adutoras, 55 reservatórios, 300 km de rede de distribuição de água, as 33 estações de tratamento de água e os projetos de saneamento de 50 cidades situadas nas bacias receptoras da transposição do Rio São Francisco.

O diplomata também foi recebido pelo vice-governador Rômulo Gouveia, pelo secretário de Recursos Hídricos, João Azevedo, e por diretores da Aesa.

[portfolio_slideshow]

Comentários