Luciano tem que ter partido próprio se quiser ser candidato

7 ago 2017

O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, tem que se filiar a um partido político que ele tenha o comando, para pensar em ser candidato a governador do Estado da Paraíba. Enquanto estiver em um partido que ele não comande, não será candidato, pois os comandantes partidários lutam sempre para empurrar candidaturas das suas famílias ou quase sempre de “escravos” deles mesmos.

Cartaxo tem que procurar um partido para presidi-lo logo, para evitar decepções nas convenções partidárias para escolha dos candidatos.

Eu não acredito, em hipótese alguma, que um político governando a capital do seu estado, não tenha condições de ter um partido na mão com a sua força e poder.

Da Redação

Comentários