Prefeita Denise Albuquerque faz balanço positivo dos 100 primeiros dias de governo

10 abr 2013

A prefeita de Cajazeiras Francisca Denise Albuquerque, acompanhada de secretários municipais e vereadores fez um balanço das ações desenvolvidas nos 100 primeiros dias de governo. Ela considerou o trabalho desenvolvido muito positivo, principalmente diante do caos financeiro e administrativo encontrado, com escolas fechadas, postos de saúde, SAMU, Policlínica e a infraestrutura abandonada.

A gestão passada deixou os funcionários da saúde com 03 meses de salários atrasados e dois meses, os servidores das demais pastas, apesar dos recursos federais terem aportado nas contas da Prefeitura. Outra preocupação era em relação aos repasses do IPAM (Instituto de Previdência do Município de Cajazeiras) e a suspensão do pagamento dos parcelamentos autorizados pela Câmara Municipal, uma dívida que chega a 23 milhões de reais, que se junta à dívida também com o INSS.

As pendências no CAUC (Cadastro Únicos de Convênios) também tem sido uma preocupação. A sorte é que recursos na área de saúde e educação são liberados, mesmo com pendências no sistema. Uma dívida enorme com fornecedores, prestadores de serviços e clínicas médicas. Algumas obras aparecem como executadas, mas na realidade não foram. Todo um levantamento está sendo feito para saber se realmente os serviços foram prestados e uma auditoria está sendo realizada. Segundo a prefeita tudo será encaminhado ao Ministério Público e aos tribunais de contas.

Denise informou que trabalhou em duas frentes, juntamente com sua equipe e com seu esposo, ex-prefeito Carlos Antonio. Uma, nesse levantamento, contratação dos servidores temporários que foram demitidos depois da eleição e outra, na busca de recursos em Brasília, principalmente emendas parlamentares e junto ao governador Ricardo Coutinho, para obras de infraestrutura importantes.

Comentários