Projeto Cantos que Educam conquista crianças e jovens de Cajazeiras e forma novos músicos

12 jun 2018

O projeto Cantos que Educam, da Escola de Música Santa Cecília, tem cada dia conquistado mais crianças e jovens de Cajazeiras. Após muito tempo sem funcionar a escola de música, a gestão do prefeito Zé Aldemir tem se voltado para a cultura, unindo com a educação, formando novos músicos e fazendo jus ao nome de terra da cultura.

Segundo Eliane Alves de Freitas, coordenadora Pedagógica do Cantos que Educam, o projeto é voltado principalmente para os alunos da rede municipal. A maior parte da procura dos alunos é para participar da fanfarra, mas também há atividades voltadas para a comunidade.

Essas atividades são desenvolvidas na quarta-feira à tarde, com aulas de violão e flauta doce para quem quiser, da comunidade, entre14h até 16h30, comandadas pelo maestro Francisco.

São em torno de cem alunos. Mas devido a capacidade da escola, foi estimulado 60 alunos para as fanfarras, e as vagas restantes são para outras atividades, com idade para alunos a partir de cinco anos e para a comunidade a idade não tem limite.

Entre os objetivos do projeto, estar o de tirar a criançada da rua, e afastá-la do trabalho infantil. “Um dos objetivos é agregar a música a vida desses jovens. O projeto visa colaborar com a formação cultural e educacional da criança e do jovem”, disse. O Cantos que Educam é coordenado pela Secretaria de Educação da Prefeitura de Cajazeiras.

Secom Cajazeiras

Comentários