PT anuncia Haddad candidato à presidência na tarde desta terça-feira

11 set 2018

Horas antes de ser anunciado o candidato do PT ao Palácio do Planalto, Fernando Haddad foi nesta terça-feira (11) à sede da Polícia Federal, em Curitiba, para, mais uma vez, conversar com o ex-presidente Lula.

Após o encontro com o padrinho político, Haddad deve aguardar o fim da reunião da executiva nacional do partido, que vai ocorrer em um hotel na capital paranaense, para só então ser oficializado como substituto de Lula na chapa petista. O anúncio, a ser feito em frente à sede da PF, está previsto para as 14h30.

A informação de que o PT promoveria um ato em Curitiba nesta terça (10), para anunciar Haddad como candidato foi antecipado, na semana passada, pela coluna Painel, da Folha de S.Paulo.

Nesta segunda (10), após horas de reuniões, Lula bateu o martelo e autorizou que Haddad fosse oficializado candidato. Ladeado pelos dirigentes da sigla, com o objetivo de mostrar união, Haddad fará um pronunciamento à militância e também haverá a leitura de uma carta escrita pelo ex-presidente. Lula pediu a colaboração de diversos aliados, que enviaram mensagens a ele sobre como fazer a substituição no posto.

Nesta terça (11), encerra-se o prazo dado pela Justiça Eleitoral para que o PT faça a troca de Lula na cabeça de chapa.

A defesa do ex-presidente ainda aguarda recursos no STF (Supremo Tribunal Federal), mas petistas admitem que as ações são apenas formalidades para embasar o discurso de que lutaram até o fim para tentar garantir a candidatura de Lula.Uma ala do PT, ligada à presidente da sigla, Gleisi Hoffmann (PR), insistia em esticar a corda dos prazos até o último minuto, mas a ordem foi não arriscar a viabilidade da chapa.

ClickPB

Comentários