Ricardo Coutinho vê Lígia em ‘lua de mel’ com oposição e faz previsão sobre Cássio

19 abr 2018

O governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB) revelou ontem que enxerga sua vice-governadora, Lígia Feliciano (PDT), em “lua de mel” com a oposição e que o senador Cássio Cunha Lima (PSDB) teme perder o foro privilegiado. “Sem o foro, vai para atrás das grades”, previu.

As declarações ocorreram em entrevista concedida ontem à noite em que o governador fez longa análise sobre o cenário político, centrando foco no senador tucano e na vice-governadora.

“Eu sempre tive uma relação de muito respeito com a vice-governadora e também até então eu não tinha percebido qualquer ação que pudesse desestabilizar o governo, mas eu confesso que nos últimos tempos algumas coisas me chamaram a atenção, primeiro uma espécie de lua de mel entre aqueles que me fazem oposição na perspectiva da ascensão da vice-governadora ao cargo” disse.

Ricardo declarou ainda que se ele tivesse se desincompatibilizado, hoje a Paraíba contaria com outro governo, procurando aprender e provavelmente para fazer diferente do que ele vem fazendo.

“Nesse meio você não tem gente ingênua e como é que eu que fui eleito poderia achar que faltando nove meses para o encerramento do mandato desse governo que foi eleito, a Paraíba queria outro governo? Com qual legitimidade isso? Por que a Paraíba teria que passar por um desmonte desses?” questionou.

“Não preciso de foro”

O governador Ricardo Coutinho também fez questão de comentar declarações que teriam sido ventiladas por seus adversários políticos, de que a decisão de ficar no Governo do Estado refletia seu temor de o foro privilegiado.

“Eu sou contra o foro privilegiado para crimes comuns. Eu ouvi algumas pessoas dizendo que eu precisava do foro. Por que eu preciso? Quem precisa de foro privilegiado são meus adversários. Eles sim precisam porque senão vão parar atrás das grades. Eu não preciso disso”, comentou.

FONTE: Paraíba.com.br

Comentários