Rômulo e Kassab discutem Ciência e Tecnologia em Campina Grande

1 jul 2017

kassab_romulo

O deputado Federal Rômulo Gouveia (PSD-PB) recebeu o Ministro da Ciência, Tecnologia, Comunicações e Inovações Gilberto Kassab, nesta sexta (30). Na primeira agenda do ministro, a reunião e assinatura da autorização para emissoras de Amplitude Moderada (AM) passarem para Frequência Modulada (FM), em João Pessoa pela manhã na Estação Cabo Branco.Kassab destacou o empenho de Rômulo para garantir a migração das emissoras da Paraíba.

Depois foi a vez do ministro visitar Campina Grande. Gilberto Kassab se encontrou com o reitor da Universidade Federal de Campina Grande, Vicemário Simões, e com o vice-reitor, Camilo Allyson Simões de Farias; também estavam na reunião a secretária Executiva da Ciência e Tecnologia do Governo do Estado da Paraíba, Francilene Procópio; os prefeitos de Campina Grande Romero Rodrigues(PSDB) e de João Pessoa Luciano Cartaxo(PSD); a presidente da Câmara Municipal de Campina Grande, Ivonete Ludgerio; a deputada estadual licenciada e atual secretária da Assistência Social de Campina Grande, Eva Gouveia; o presidente da Associação Comercial e Empresarial de Campina Grande, Marcos Procópio; agentes e pesquisadores ligados à área de Ciência e Tecnologia em Campina Grande.

O encontro aconteceu na casa do empresário Robson Gouveia. Articulador do encontro, Rômulo destacou a importância de se discutir o desenvolvimentos da ciência e tecnologia em Campina Grande, um dos principais pólos de Tecnologia da Informação do país.

O Maior São João do Mundo

O ministro Gilberto Kassab foi convidado pelo prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, para conhecer o novo formato implantado pela prefeitura através de uma parceria público/privada no evento. Também foram convidados o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo; o vice-prefeito Manoel Junior, vereadores e secretários do município de João Pessoa.

A primeira parada foi no Comitê de Imprensa, onde o Ministro, ao lado do deputado Rômulo Gouveia, perguntado sobre as alianças partidárias com vistas às eleições 2018, disse que “estava para selar o casamento e a aliança entre o PSD e o PSDB”.

Gilberto Kassab, Rômulo Gouveia, Romero Rodrigues, Luciano Cartaxo, Manoel Junior e comitiva, ainda prestigiaram mais uma etapa do Arretado Star no Palco Cultural.

Em seguida o Ministro seguiu viagem e Rômulo Gouveia recebeu várias lideranças da Paraíba.

Sobre a migração de AM para FM

A tecnologia avança e transforma o mundo, mas a radiodifusão sempre encontra seu espaço para permanecer no cotidiano da sociedade, desde a transmissão das primeiras ondas radiofônicas, há mais de um século. A avaliação é do ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab, que participou nesta sexta-feira (30), em João Pessoa (PB), de cerimônia em que cinco emissoras paraibanas assinaram termos aditivos de adaptação das outorgas para migrar da faixa AM para a FM.

“Se há uma marca deste século é a da tecnologia. Os nossos bisavós moraram em um planeta totalmente diferente. Nossos bisnetos vão conhecer um mundo completamente diverso daquele em que nós vivemos hoje, porque tecnologia, ciência e pesquisa transformam a vida em uma rapidez cada vez maior. Porém, com tudo isso acontecendo, algo tem ficado sempre: o rádio. As rádios fazem parte do cotidiano de todos os brasileiros. É algo que veio para ficar já há muito tempo. Enfim, é algo impressionante como as rádios são perenes. E essa é a razão de estarmos aqui, todos nós, festejando esse importante momento.”

Cinco emissoras completaram o processo de migração na Paraíba, ao apresentar certidão de regularidade fiscal e quitar o boleto de mudança de outorga de AM para FM: Fundação Cultural Nossa Senhora da Guia, de Patos (PB); Fundação de Desenvolvimento de Picuí (Fundepi), de Picuí (PB); Rádio Cajazeiras, de Campina Grande (PB); Rádio Integração do Brejo, de Bananeiras (PB); e Rádio Potiguara, de Mamanguape (PB). Ao todo, 28 entidades paraibanas manifestaram interesse ao MCTIC em migrar de faixa.

Segundo a secretária de Radiodifusão do MCTIC, Vanda Nogueira, as 28 rádios têm como ouvintes 80% da população paraibana, ou seja, quase 3 milhões de pessoas. As outras 23 emissoras têm 90 dias para pagar o boleto, cujo valor é calculado individualmente e pode variar de R$ 7 mil a R$ 200 mil.

Fonte: Repórter PB

Comentários