Rômulo prevê aliança oposicionista em 2018 contra Ricardo

17 fev 2017

O deputado federal Rômulo Gouveia, presidente do PSD no Estado, voltou a defender a união das lideranças de oposição ao governador Ricardo Coutinho com vistas às eleições de 2018. Ele confirmou que o PSD já está se preparando para a disputa de 2018 e tem nomes competitivos para a disputa ao governo, a exemplo do prefeito da Capital, Luciano Cartaxo ou do seu irmão Lucélio, que foi candidato ao Senado, e o empresário Francisco de Assis Benevides (Buega) Gadelha, recentemente lançado por um grupo de empresários de Campina Grande.

Rômulo, que fez menção, também, ao nome do deputado estadual Manoel Ludgério definiu como prioridade neste ano pré-eleitoral o trabalho de costura da unidade dos partidos e das lideranças que fazem oposição à administração socialista de Ricardo Coutinho. Acrescentou que tem conversado, nesse sentido, com os senadores Cássio Cunha Lima, do PSDB, e José Maranhão, do PMDB, insistindo na tecla da unidade das forças oposicionistas. Os entendimentos se estendem, ainda, conforme ele, ao senador Raimundo Lira, “por quem tenho muito apreço”. O deputado Rômulo Gouveia tenta sensibilizar os interlocutores com um argumento: “a união das oposições é fundamental para o êxito do projeto”.

Empenhado no fortalecimento de quadros do PSD, Rômulo Gouveia anunciou para os meses de março e abril a realização de uma série de encontros regionais da agremiação, dentro da meta de atrair novos filiados e, em paralelo, discutir projetos para o futuro da Paraíba. Em março, o PSD realizará em João Pessoa um encontro estadual de vereadores do partido com a mesma fnaldade. Enquanto isso, o PRTB, presidido pelo vereador Eduardo Carneiro (João Pessoa) antecipou que a meta da legenda para 2018 é eleger três deputados estaduais e um federal. Nas últimas eleições municipais, o PRTB elegeu vereadores nas principais cidades do Estado como João Pessoa, Campina Grande, Patos, Mamanguape, Conde e Santa Rita.

Nonato Guedes
Os Guedes

Comentários