Senador Cássio Cunha Lima critica mais um aumento da gasolina

12 jul 2018

O senador Cássio Cunha Lima (PSDB) voltou a criticar a política de preços de combustíveis praticada pela Petrobras, que nesta quarta-feira (11) aumentou a gasolina para R$ 2,039 por litro nas refinarias, maior valor desde o dia 23 de maio.

“Como sempre, o valor da refinaria será repassado para o consumidor final, que já está com o orçamento familiar achatado por tantos impostos. É um equívoco aplicar reajustes diários. Isto tem impacto na inflação e penaliza quem precisa do carro para ir ao trabalho, para levar o filho à escola e também aquele pequeno comerciante que usa o transporte como ferramenta de negócio”, afirma Cássio.

O senador paraibano lembra ainda que, além revisão da política de preços por parte do Governo Federal, os Estados também têm responsabilidade sobre os altos preços dos combustíveis.

“Na Paraíba, praticamente 30% do valor da gasolina é ICMS, ou seja, 1/3 do imposto do combustível é estadual”. Cássio tem defendido no Senado a redução do ICMS como forma de baratear a gasolina e o gás de cozinha, num esforço semelhante ao que foi feito com o óleo diesel.

Comentários