Sonhos de noiva

17 maio 2013

Sempre li nos livros, vi nos filmes e novelas, e ouvi nas canções antigas que toda noiva sonhava com dia em que subiria ao altar em seu vestido branco, com direito a véu e grinalda, languida de pureza, para o encontro dos beijos e abraços do seu amado no intuito de trocar alianças, e após o arremesso do buquê, iniciar com ele uma nova vida, cheia de alegria e trabalho, como se o casamento fosse à concretização da felicidade. Sonhavam as noivas de outrora, com os filhos que teriam, com as realizações do marido, e até mesmo com as obrigações do serviço do lar.

Tudo isso ficou para trás, e não é culpa da morte do romantismo, ou coisa que o valha, é que nos dias de hoje com todas os alcances vitoriosos e emancipações da condição feminina, esses sonhos envelheceram, caducaram, Mas, as noivas ainda continuam a sonhar, e sonham muito, mesmo antes de serem, de fato, noivas. Sonham com a independência financeira, com um bom emprego, em viajar, conhecer o mundo, e às vezes sonham, também, é claro, em encontrar um par para junto dela, conquistar e desfrutar tudo isso.

O importante é que as noivas continuam a sonhar.

 

Por Bruno Paulino

Comentários