As coisas acontecem e a gente feliz vai mostrando

3 mar 2013

Boletim do Bem – as coisas acontecem e a gente feliz vai mostrando

O Boletim do Bem tem um monte de boas novas para relatar e, para não perder tempo, vamos logo as notícias maravilhosas do bem:

– Vamos realizar nossa assembléia ordinária no próximo dia 15 de março na sede da Casa do Bem. Em breve vamos reformar o estatuto para torná-lo mais enxuto e menos complexo. O trabalho está sendo feito pelo presidente Flávio Rezende e a voluntária Kathia Helinska, a quem agradecemos.
– Vamos ter dia 10 a segunda edição da Mini Maratona Feminina Casa do Bem, onde homem também pode participar, uma iniciativa do amigo e voluntário Henrique Oliveira. As informações sobre inscrições etc no site www.ronze.com.br. Grato a Henrique e, se der lucro, vai começar nosso estúdio de música.
– Estamos com mais um perfil no Facebook chamado Voluntários Almas Boas , como nosso perfil inicial Casa do Bem encheu logo, quem quiser ser nosso amigo via face, favor pedir amizade por este agora.
– Agradecendo doações diversas de almas boas como: Flávio Marcílio, Renata Nathalia, Federação Norte-rio-grandense de Futebol (José Vanildo), Fernando Bezerra, Natal Cap, Juciellen Rodrigues, Fábila Ribeiro, Lauro Maia, Ana Regina Petrovich Murata, Kathia Helinska, Carlos Sérgio Moura (Dom Miguel e Dom Vinicius), Natal Cap, Receita Federal, Consórcio Eldorado, Shopping Cidade Jardim, Rede de Postos São Luiz e, a novos e antigos colaboradores que aderiram a nos ajudar mensalmente, como, Regina, Evilanildes, Magaly Cristina, Francisco, Daniela de Miranda, Ieda Ferreira, Munir Aby Faraj, Daniel Câmara, Kleber Bezerra, Rosinei Muniz, Priscilla Palitot, Francisco Luis, Loja Império, Hugo Rafael da Silva, Claudio Marinho, Anna Kathia, Breno Xavier, Marcos Valério, Ana Maria Cocentino, Sérgio Paiva, Paulo Fernando, Celiwaldo, Roberto Solino, Fernando Dantas, Alvaro Alberto, Marcos Toscano, Maria de Fátima, Lucia Jesus, Cecy Oliveira, Patricia Karla, Maria Santos, Joacir Santos, Maria Izabel, Antonio Oliveira, Edmilson, Rodrigo, Marcos Andrey, Lilian Rezende, Maria Fernandes, Emidia Ferreira, Angela de Oliveira, Amarildo Araújo, Roger de Melo, Rodolfo Fernandes, Severino Cunha, Maria Luisa, Andrea Rugai, Flávio Rezende, Jorge Rezende, Fernando Rezende e outros que transferem e não aparece o nome. Nossa gratidão. Esses recursos tornam nosso trabalho possível e são vocês, além dos que ajudam com roupas, material de limpeza, de expediente etc, que fazem a Casa do Bem uma realidade.

Mais boas novas do bem:

– Começamos em 2013 o Almoço do Bem e outras ações na área da alimentação. Recebemos doação de alimentos para isso e para o Sopão do Bem e os Lanches do Bem;
– A Casa do Bem recebeu bazar promovido pela amiga jornalista amiga Margot Ferreira e amigos em torno da ação “Amigos do Pelo”, que ajuda e encaminha animais para adoção. Foi muito legal para todos. Estamos aqui prontos para servir todas as ONGs de Natal com amor e carinho.
– Ressaltamos aqui o trabalho magnífico do novo coordenador geral da Casa do Bem, Heberth Gleydson, que está trabalhando com afinco para deixar tudo funcionando e ampliando as ações, além de manter as já existentes. Parabéns pelo belo começo;
– Realizamos nosso projeto Cultura do Bem de fevereiro levando um grupo de 106 pessoas para um passeio no barco Marina Badauê em Pirangi, para o maior cajueiro do mundo e almoço no Paçoca de Pilão, então agradecemos Gastão Grosmann, dona Adalva Rodrigues e o pessoal do cajueiro, foi tudo maravilhoso, além de agradecer Augusto Maranhão e Lyceli do Seturn, pelo ônibus;
– Agradecer amigo Raimundinho por cortesia para hidroginástica em seu Pequeno Golfinho;
– Grato pelas cortesias de passeio de dromedários e de buggy que em breve vamos fazer;
– Recebemos mercadorias de apreensões diversas da Receita Federal, vamos vender em bazar a partir de quarta-feira na Casa do Bem (inf. 3202-3441 – 9612-8300);
– Agradecemos voluntariado da amiga Telga Lustosa Barreto sobre mercado de trabalho, muito legal;
– A amiga Carly Hazbun vai nos ajudar com véus para cercar o campo de futebol e evitar que as bolas caiam fora do campo;
– Recebemos doação de tintas da Coral que usamos na Casa do Bem e vamos pintar o Centro Comunitário de Mãe Luiza;
– A voluntária Kyla dos Estados Unidos deu aula de zumba na Casa do Bem. Chegou e encantou todos e veio atrás da amiga Clarissa Medeiros (KKi), alma maravilhosa que sempre nos ajuda;
– Agradecendo mais bondades como de Evilázio Cavalcanti e Adriano Araújo com cestas básicas, da amiga Tereza Cristina que vai cortar cabelo de graça todas as segundas na Casa do Bem, doação de móvel da amiga Irian, chegada de novos voluntários como Bruno Costa, Lili e Jarionete, doação de acerola do GACC, de abadás do Burro Elétrico, de pão da P & C, de reportagens diversas de vários veículos da cidade, lembrando que os jovens que foram ao rodízio de pastéis foram os de melhor desempenho educacional no colégio Severino Bezerra, de Mãe Luiza.Essa ação no Pastel Paulista aconteceu graças a iniciativa do amigo Rodrigo Cruz. Na pastelaria fomos muito bem recebidos por Wendrill e seus funcionários, foi maravilhoso, grato.

Agradecimento especial neste boletim a amiga Keyla Bastos e seu marido Rodolfo Fernandes, que nos ajudaram no pagamento da primeira parcela do seguro da kombi, junto com a amiga Angela Dieb. Nossa gratidão.

Abaixo deixamos apelo para quem ainda não leu, no sentido de que possam, se assim desejar, nos ajudar. As necessidades são mensais e, estamos sempre precisando de ajuda.

Apelo em prol do BEM

Deixo aqui um apelo aos meus familiares, amigos, leitores e aos que admiram as ações humanitárias da Casa do Bem. Apesar da Casa do Bem ser muito badalada ela é mantida pela ajuda de pessoas físicas que depositam na conta 26847-X – agência 1668-3 do Banco do Brasil e por algumas empresas. Apesar da ajuda que muito agradecemos, os custos não são cobertos e, passamos por momentos dificeis. Eventualmente doações resolvem uma questão aqui, outra ali, mas o perigo de entrarmos no vermelho está sempre presente e deixamos de fazer algumas coisas em virtude do baixo saldo na conta.
Um convênio com a Prefeitura da cidade do Natal está para ser renovado e vai melhorar, mas não resolver, portanto PRECISAMOS de sua ajuda para depositar o que puder na conta 26847-X – agencia 1668-3 do Banco do Brasil, se possível programando para ser mensal, pois quando não puder ou não quiser mais, basta ir lá e com um clique cancelar tudo para o futuro. As doações variam de 10 reais até onde queira. Já deixo registrado que apesar de não ser remunerado (ninguém da diretoria), de disponibilizar meu tempo e de viver pedindo coisas quase 24 horas por dia, ainda assim ajudo com 100 reais mensalmente, além de estar sempre pagando várias coisas com meus próprios recursos.
Não me sinto bem neste papel de viver implorando, pedindo, mas amo tanto a Casa do Bem, que preciso torná-la viável neste aspecto, uma vez que no fornecimento de atividades sociais, esportivas culturais e educacionais, estamos sempre a mais de mil, ajudando cerca de 2 mil pessoas de diversas maneiras, precisando apenas estar funcionando para tudo isso continuar, lembrando, sem política, sem religião, só com muita boa vontade.
Nossos gastos são de energia elétrica, água, telefonia, internet, limpeza, manutenção do prédio e da kombi, impostos (IPTU, IPVA, seguro), combustível, alimentação, contabilidade, ajuda de custo para alguns voluntários que passam o dia na casa e fornecimento de matéria prima para que os projetos aconteçam. Muitas vezes não podemos depender de doações e precisamos comprar as coisas para que as ações aconteçam.
Reafirmo que o que recebemos atualmente não cobre os custos, isso PEDIMOS sua ajuda.
Quem quiser nos visitar existimos na rua João XXIII, 1719 – Mãe Luiza, perto da Via Costeira, temos toda nossa contabilidade exposta em sua totalidade em nosso site www.casadobem.org.br num link específico de prestação de contas, estando para colocar a de 2012 nos próximos dias, além de poder mostrar tudo fisicamente a quem se interessar e, informamos mais detalhes pelos fones 84-3202-3441 – 9612-8300 (Gleydson – coordenador geral da Casa do Bem) ou 9902 0092 – Flávio Rezende (eu – presidente).

Se preferir ajudar de outra maneira pode ser com roupas usadas para nosso bazar, cintos, bolsas, bijuterias, calçados, pode ser com material de limpeza, de expediente, cartuchos, roupas para balé, karatê, combustível para a kombi (os donos de postos podem nos dar vales – esse é um gasto muito alto), adoção de alguma conta, teremos mês que vem a segunda parcela do seguro da kombi, acaba de chegar os impostos da kombi (seguro, licenciamento etc).

Por favor repassem este e-mail para seus grupos e amigos, faço isso por precisar mesmo, por amar a Casa do Bem e seus lindos projetos, por achar que fazer o bem é importante e que uma pequena contribuição mensal sua vai ser muito significativo para nós.

Luz do bem e sejamos todos felizes.

Amar a todos, servir a todos – SB

Fazer o bem sem olhar a quem – CB

Flávio Rezende

Comentários