Dilma diz que vai analisar documentos entregues pelos deputados sobre a seca

6 mar 2013

Dilma diz que vai analisar documentos entregues pelos deputados para convivência com a seca

A presidenta Dilma Rousseff (PT), após receber dos deputados da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) documentos que pedem ações efetivas para o problema da seca, afirmou ontem (5) que vai examinar os papéis encaminhados pelos parlamentares e esclareceu algumas medidas que já estão sendo realizadas pelo Governo Federal para minimizar os efeitos da estiagem. As declarações de Dilma foram dadas durante entrevista a rádio Correio.

Dilma Rousseff também alegou ter conhecimento de que os nordestinos enfrentariam um período de seca mais grave do que o ocorrido em anos anteriores. “Eu recebi as demandas dos deputados e estou levando para examinar, porque isso é o que se deve fazer. Eu queria esclarecer as medidas que nós tomamos para o combate à seca. Tínhamos sido avisados que a configuração que estava vindo era muito grave e conversei com todos os governadores do Nordeste sobre o problema”, disse.

Os parlamentares entregaram a presidenta a Carta da Paraíba, documento oficial da Campanha SOS Seca. O texto reúne reivindicações para que o Governo Federal adote ações emergências e duradouras para a convivência com a seca.

Dilma também recebeu um relatório com informações sobre o problema da seca, que foram coletadas durante a ‘Caravana da Seca’ e outro resultado da inspeção realizada por uma comitiva que observou de perto o andamento das obras de transposição das águas do Rio São Francisco.

Entre as reivindicações também estava um documento que relata a situação 111 mil famílias que estão com dívidas junto aos bancos oficiais na área de abrangência da Sudene. Esses trabalhadores estão na iminência de perderem as suas pequenas propriedades, pois não têm como pagar essas dívidas e nós pedimos uma solução definitiva para este problema.

Comentários