Enivaldo se queixa de exclusão de partidos

8 jun 2018

O presidente estadual do Progressistas, Enivaldo Ribeiro, voltou a se queixar de não ter sido ouvido pela oposição na escolha de nomes para compor a chapa majoritária.  Nesta sexta-feira (08) o grupo de oposição anunciou a médica Micheline Rodrigues (PSDB) como vice de Lucélio Cartaxo (PV) para disputar o Governo do Estado nas eleições de outubro.

“O que a gente sempre defendeu é que fossem ouvidos todos os partidos. Se não fizeram assim, vamos para frente para ver o que vai acontecer”, destacou.

Diante desse quadro, Enivaldo Ribeiro afirmou que a legenda continua disposta a conversar com vários partidos para poder definir sua posição política em relação às eleições estaduais.

“Se a gente não conversar não define nada. Senão vamos fazer o que eles fizeram”, destacou.

Roberto Targino – MaisPB

Comentários