Querem calar o meu violão…

19 mar 2013

QUEREM CALAR MEU VIOLÃO…

Autor: Geraldo Moreno Rolim

Como podem me proibirem tanto?
A cada dia querem me cortar algo,
Não reconhecem que o simples é o encanto…
E insistem em transformar-me em um fidalgo.

Por que não me aceitam como realmente sou?
Não conseguem entender meu jeito de amar,
Não me perguntam para onde eu vou,
Ou até onde eu pretendo chegar…

Meu modo de agir parece aberração,
E agora querem calar meu violão,
É… estão fazendo o maior burburinho.

Quem penso que está comigo, me acha distante…
Diz que quando canto, viajo… feito um viajante.
É… me dá vontade de seguir sozinho.

SP, Mar/2013

Comentários