Romero já costurou com Rômulo sua ida para o PSD, de onde se lançará candidato a governador

12 jun 2017

WhatsApp_Image_2017-06-10_at_12.12.28_1.jpeg.554x318_q85_crop

EXCLUSIVO – Por incrível que pareça Cássio ainda não sabe, e se já sabe não acredita, mas Romero vai para o PSD para disputar o governo.

Cartaxo também está filiado ao PSD e já sabe dessa articulação. Por não confiar mais que Cássio seja capaz de conter Romero, decidiu sair para outra legenda.

A agressividade de Romero é tão grande que realmente tentou tomar o PMN de Lídia e Bala, mas o bote foi abortado com a ida de Zenedy e, há quem diga que é provável o ingresso do próprio Cartaxo.

A rusga entre Romero e Cássio começou quando o prefeito de Campina percebeu que o senador estava articulando para Pedro ser o vice de Cartaxo e alijando ele do processo.

A partir daí o clima foi pesando e Romero decidiu usar a máquina para se promover como pré candidato ao governo.
Como é filiado ao PSDB e não acredita mais que o fato de ser primo faça Cássio voltar atrás, Romero se movimenta para ser a opção do grupo.

Faz sentido esse clima entre Romero e Cássio pela lógica de que dois de Campina, e da mesma família, não podem ocupar os dois principais lugares na chapa e que a PMCG não tem cofre pra bancar duas majoritárias.

Cássio quer pegar Carona na estrutura de Cartaxo e emplacar o filho na vice. Há quem diga, inclusive, que ele tem pensado em abdicar da disputa pelo Senado, podendo disputar a vaga de federal.

Dércio Alcântara
Blog do Dércio

Comentários